Diário de um músico: ‘’Um passeio pela historia da guitarra’’

10635908_589211427856537_452717937408831999_n

Os sorrisos já falam por si…

 

 Workshop – ‘’Um passeio pela historia da guitarra’’

 

    Só pelo nome, nota-se o tamanho da responsabilidade: sintetizar em 2h, a história da guitarra, com peculiaridades de forma que agrade quem já conhece, toca, e quem é leigo. Mostrar desde o começo do blues, o estilo e peculiaridades, e como influenciou tudo que veio em seguida. Citar Robert Johnson, Elmore James e T- Bone Walker, e o quanto tais nomes, mesmo não tão conhecidos atualmente, foram vitais para a existência de diversos conceitos. Organizar slides, ensaiar exaustivamente várias partes, ideias a serem apresentadas, sem perder um ar de improviso, sem ficar mecânico em demasia. De brinde, no susto, a primeira ‘’apresentação’’ da minha banda, já que o combinado era tocar apenas 2 músicas, porém, o resultado e animação foi tamanha, que tudo transcorreu de forma a tocarmos as 2 horas de workshop. Um pequeno ensaio de 2 horas, e torcida para que a química funcionasse foram essenciais, e de fato, gerou resultados incríveis! Nada mais divertido do que começar tocando “Everyday I Have the Blues’’, e improvisar sobre a canção, dando boas vindas ao público, e trazendo aquele clima do que há por vir a todos. A primeira parte contou com conceitos básicos, porém importantes da guitarra, como bends e vibratos, e diferentes fraseados de blues. Brincadeiras tocando Deep Purple e Rolling Stones, sem ensaio nenhum, trouxe um ar de jam session e diversão entre amigos.  A parte mais difícil, foi tocar um blues em ‘’E7’’, e sobre isso, apresentar os estilos de fraseado, em ordem cronológica, de B.B. King, Peter Green, Eric Clapton, Jeff Beck, Duanne Allman, Stevie Ray Vaughan, Gary Moore e Joe Bonamassa. Os anos escutando cada um deles ajudaram a tornar essa tarefa menos difícil, já que ninguém soará igual a eles.

    Sorrisos, elogios, dão a certeza de que tudo deu certo na primeira parte. Abrir o bloco final, tendo que responder a pergunta de ‘’como se faz para tocar bem’’, é um pouco embaraçoso, confesso. Não há muito que se explicar, cada um encontra seu caminho, mas nele, sempre encontra-se a dedicação e paixão pelo que faz. A mesma linda de blues, agora em outro tom, e com mais acordes, dão a deixa, para mostrar rapidamente como transpor tal universo para o jazz e country, antes de cair para o outro extremo: executar a mesma base mais rápida, e com tapping, prestanto um leve tributo ao mestre Eddie Van Halen. Sem ensaio quase, ouvir a bateria ‘’comendo no bumbo duplo’’, no meio do solo, traz uma sensação de que está dando tudo certo. Uma base flamenca, melodias do Metallica, choro e baião, exigiram muito ensaio meu, para executar tudo um seguido do outro, com basicamente os mesmo acordes, tudo para mostrar que conhecer o braço da guitarra é importante. Um blues lento em tom menor, a transposição disso para um funk fusion, inserindo mais melodias, e uma parte inusitada: uma versão instrumental de ‘’Nos Galhos Secos’’ ( isso, a do vídeo que ficou famoso! ), exemplificando de uma vez por todas, que quanto mais se conhece, mais se pode ‘’brincar’’ com as músicas. Por fim, uma homenagem descarada ao mestre Hendrix, com a clássica Foxy Lady, e uma chuva de improvisos de toda a banda.

    Não há nada mais divertido do que sentir a química entre músicos ao vivo, e poder trabalhar com a música. Se uma pessoa apenas, saiu desse dia de forma diferente, vendo a música com outros olhos, tenho pra mim que a missão foi cumprida, pois se cada ser humano se preocupasse em fazer bem a uma pessoa que seja, o mundo seria bem melhor. Pelos sorrisos da foto, é possível ver os efeitos da música em cada um de nós.

Anúncios

Sobre hericksales

Guitarrista, professor de guitarra e violão a 11 anos.

Publicado em 1 de setembro de 2014, em Diário de um músico e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: